Sem eventos

Secretaria de Educação

 

Previous Next

Município ficou entre as 40 melhores práticas no estado de São Paulo

São Sebastião foi reconhecida pela sua contribuição e desenvolvimento da primeira infância, tendo seu projeto “Vacinas e Práticas Ampliadas – Dia D; Espaço lúdico: postinho na sala de aula” apresentado no I Simpósio de Boas Práticas da Primeiríssima Infância, que ocorreu ontem (13/12) em São Paulo. Além disso, a vivência foi incluída no livro “Mapeamento de Práticas” do “Programa São Paulo pela Primeiríssima Infância.”

O município classificou-se entre as 40 melhores práticas no estado de São Paulo pelo seu​ projeto, cujo objetivo foi diminuir o nível de estresse durante as campanhas de vacinação em crianças de 0 a 3 anos, causado por reações de outras crianças e potencializado pelos ambientes pequenos das unidades de saúde.

Para isso foram desenvolvidas ações envolvendo a Saúde e Educação a fim de preparar as crianças para o momento de vacinação. Entre elas estavam a apresentação de uma peça de teatro e vivências com os materiais utilizados na hora da vacinação.

A articuladora local do SPPI em São Sebastião, Alana Framba, explica como funcionou. “Nesse momento, que acontece sempre antes das campanhas e é feito em todas as creches, as crianças brincam com luvas e seringas; ‘vacinam’ os amigos, bonecas e os próprios profissionais da saúde.”, diz Alana. Como resultado, a iniciativa melhorou o clima nos postos de atendimento durante as campanhas de vacinação.

A supervisora regional do primeiríssima infância, Simonisis Nascimento, fala sobre o trabalho de São Sebastião. “O município tem se empenhado muito em relação ao desenvolvimento infantil. Sou muito grata a São Sebastião por executar tantas práticas exitosas e por estarem tão comprometidos com uma sociedade melhor.”, ressaltou a supervisora.

Previous Next

A última formatura do Projeto Asas no ano foi animada. Com apresentação de coral, vídeos com projeções dos resultados dos alunos e a reunião de familiares serviu para destacar o esforço de aproximadamente 50 alunos que retiraram seu certificado em cerimônia na quarta-feira (12).

A Prefeitura de São Sebastião, por meio da Secretaria da Educação (Seduc) e da Secretaria da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi), trabalha com o objetivo de proporcionar aos alunos da rede municipal, uma oportunidade de despertar habilidades, potenciais e vocações profissionais, preparando-os para o mercado de trabalho.

O secretário da Educação, Fábio Aranha, ressaltou o trabalho realizado no Projeto Asas, assim como o do Centro Integrado Profissionalizante - CIP, que já formou aproximadamente três mil alunos.

“Trata-se do maior projeto de qualificação profissional do Vale do Paraíba. Estamos falando de cidades como São José dos Campos, Taubaté, em que o destaque é São Sebastião. Isso se deve ao empenho deste Governo em decentralizar os investimentos e estender o projeto por toda a cidade”, ressaltou Aranha.

O secretário adjunto do Sepedi, Simei da Silva Ferreira, parabenizou formandos da última cerimônia do ano. “É preciso agradecer aos servidores, e também aos voluntários, que se empenham no projeto”, considerou.

A formatura contou ainda com apresentação do Coral de Libras da Escola Municipal Cynthia Cliquet Luciano, do bairro da Enseada – na Costa Norte da cidade, com os professores Erika e Emiliana.

“Tivemos a felicidade de encontrar o Projeto Asas”, comentou Adriano Scala Pandolfi, coordenador do projeto de inclusão digital da Fatec, ao se referir a parceria com a Prefeitura.

O Projeto Asas proporciona a alunos da rede municipal, e da APAE, cursos de formação de iniciação profissional nas áreas de atendimento, alimentação, organização de buffets e noções administrativas.

Os formandos cursaram aulas de inglês comercial; boas práticas para o serviço de alimentação e pizzaiolo; montagem de buffet de café da manhã para hotelaria; costura básica e customização de vestuários; e boas práticas para o serviço de alimentação e fingerfood. 

Alunos com deficiência, ou com alguma dificuldade de aprendizagem dos oitavos e nonos anos do Espaço de Apoio Pedagógico Especializado (EAPE), são atendidos pelo Projeto Asas, que foi idealizado pela Seduc e teve início em 2017.

Texto: Leonardo Rodrigues | PMSS
Fotos: Iuri Cunha | PMSS

A Prefeitura de São Sebastião, através da Secretaria de Obras, deu início hoje (14) à construção da nova creche de Maresias, na Costa Sul de São Sebastião.

Cerca de 180 crianças serão atendidas no novo espaço, localizado na Rua Porto Seguro, esquina com a Rua do Forno. A nova unidade ocupará 1.255 m² de uma área com 2.800 m².

A nova creche comportará também berçário e pré-escola, atendendo crianças de 0 a 5 anos. O espaço contará com nove salas, dois playgrounds, horta, jardins, pátios e cozinha industrial. A estimativa é que a obra seja concluída em 18 meses. O valor do investimento é de R$ 3.164.325,61, e a obra será realizada pela Ideal Terraplanagem – empresa vencedora do processo licitatório.
De acordo com o prefeito Felipe Augusto, a construção da creche em Maresias vai zerar a fila de espera por vaga no bairro.

Texto: Thereza Felipelli
Fotos:
Divulgação

 

Previous Next

A Prefeitura de São Sebastião está construindo uma nova creche no bairro do Jaraguá que terá capacidade para atender 180 crianças, zerando a fila de espera para o atendimento das crianças. A conclusão está prevista para o 2º semestre de 2019.

Segundo o secretário de Obras, Luís Eduardo Araújo, toda arquitetura já está com a fundação finalizada, parte da base que dá sustentação à obra. “Além disso, também está pronta toda correção do nível do solo com corte e aterro, as valas de drenagem. Toda a obra já está estaqueada”, explicou.

Ainda de acordo com o secretário, a creche é subdivida em blocos, um para parte administrativa, dois para salas, um para cozinha e outro para o ginásio com vestiários. “A área administrativa é a parte da obra que está mais adiantada, com estrutura, contra piso, laje e telhado prontos. Os blocos das salas e cozinha estão com pilares, alvenaria e contra piso a ponto de receber vigas de cobertura e laje. Já o ginásio está com pilares de concreto pré-moldados executados”, concluiu.

O secretário ressalta que apesar de setembro e outubro terem sido meses com chuvas excessivas, que dificultaram a execução dos serviços, a empresa mantém o cronograma em dia para entrega no prazo previsto.

A creche terá uma área de aproximadamente 5,5 m², com oito salas, entre berçário, para atender crianças de 0 a 6 anos, composta de lactário, fraldário, uma sala multiuso, sanitários infantis, refeitório, pátio coberto, solários, jardins, parque de brinquedos e uma quadra esportiva. Além dos núcleos administrativos e de serviços.

A empresa contratada para construir a creche é sediada no município e os 27 funcionários que estão trabalhando no local são moradores da cidade.

Texto: Millena Hermes | PMSS
Fotos: 
André Santos | PMSS

Login Form

Fevereiro 2019
D S
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28

Assine nossa Newsletter

 

 

© Secretaria Municipal de Educação de São Sebastião - 2019.
Fevereiro 2019
D S
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28